Dois jornalistas de Salto del Guairá, cidade paraguaia que faz fronteira com , no , foram ameaçados de morte por um político local. A denúncia foi registrada nessa terça-feira (31).

Héctor Morán e Gustavo Cuellar atuam na Página Salto Info e no programa de rádio El Debate, da Rádio 100.5 FM. Eles pediram a proteção da Polícia Nacional, após receberem uma mensagem de texto via WhatsApp.

No texto, que é acompanhado da imagem de uma metralhadora e de um cadeado, os dois jornalistas foram avisados de que se continuarem se envolvendo em coisas que “não lhes dizem respeito” acabarão acordando com a boca fechada.

Associação de Jornalistas de Salto del Guairá também solicitou proteção policial para os colegas e seus familiares. O caso foi encaminhado para investigação do Ministério Público do Paraguai, segundo informações do diretor de polícia de Canindyú, Sebastián Ramírez.

Saiba Mais