de Dourados autua infrator em R$ 16,8 mil por derrubada ilegalmente de árvores de grande porte para exploração e pelo armazenamento da madeira

A PMA (Polícia Militar Ambitental) de Dourados autuou um infrator em R$ 16,8 mil por derrubada ilegalmente de árvores de grande porte para exploração e pelo armazenamento da madeira.

Após denúncias, policiais realizaram vistoria em uma fazenda nesta quinta-feira (10), localizada no município de Maracaju e verificaram , que o proprietário do imóvel estaria derrubando árvores e serrando a madeira ilegalmente e armazenando na sua propriedade, confirmando a veracidade da denúncia formulada.

No local, a equipe encontrou 56 árvores nativas das espécies aroeira e ipê (madeiras nobres), que estavam sendo derrubadas e foram desdobradas em formato de estacas e palanques para cercas na propriedade, sem a licença ambiental obrigatória. Havia madeira serrada em meio a vegetação e também armazenada na sede da propriedade, tudo retirado dos mesmos locais de exploração. Todo o material foi apreendido. O infrator de 45 anos, residente em Maracaju, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 16,8 mil. Ele também responderá por crime ambiental, com prevista de seis meses a um ano de detenção.

Saiba Mais