Mario Melnic, de 50 anos, foi encontrado morto em uma pastagem em um reassentamento de Brasilândia, cidade a 364 km de .

Conforme o boletim de ocorrência, a família de Mário o procurava desde o último sábado (11).

Vizinhos disseram que apesar da vítima ser alcoólatra e usar crack, não tinha inimigos declarados. A última vez que foi visto estava em um bar no sábado.

O corpo estava em um local usado diariamente por ele para chegar até a empresa de cerâmica onde trabalhava. Não foi informado se havia aparentemente sinais de violência.

O caso foi registrado como a esclarecer e é investigado.

Saiba Mais