Um brasileiro de 50 anos foi preso nesta quinta-feira (29) em Capitán Bado, cidade do Paraguai que faz fronteira com , no Mato Grosso do Sul. Ele é acusado pelo roubo de 550 cabeças de gado.

A denúncia é investigada por agentes da Polícia Nacional da Delegacia Regional de Investigações de Capitán Bado. Segundo informações apuradas até o momento, o gado pertence à fazenda Lagunita.

O gerente geral da propriedade confirmou o desaparecimento dos animais. O brasileiro apontado como principal suspeito trabalha na fazenda e foi levado até o Departamento de Investigações da cidade fronteiriça para prestar esclarecimentos.