A série de roubos cometidos na quinta-feira (16) nos bairros Jardim Leblon, Centro-Oeste e Universitário teriam sido encomendados por um detendo. A informação foi repassada pela Polícia Militar.

No momento da prisão em flagrante de um dos autores, de 23 anos, teria confessado participação nos roubos. Além disso, contou aos policiais do Batalhão de Choque que o roubo teria sido planejado por um interno do Sistema Prisional.

Assim, o suspeito foi levado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), com o carro usado pelos bandidos, um Gol prata. Já na delegacia ele negou a participação nos roubos.

No interrogatório, o rapaz alegou que apenas guardava o carro para um conhecido. Ele foi reconhecido pelas vítimas dos assaltos e responderá por roubo majorado.

(Divulgação PM)

Assaltos e prisão

Na manhã desta quinta-feira (16), pet shop localizado no Jardim Leblon foi alvo dos bandidos. Eles fingiram ser clientes e esperaram até que a atendente ficasse sozinha para cometerem o roubo.

Conforme a veterinária responsável, a atendente estava com uma cliente quando os dois suspeitos entraram. Então, eles esperaram até que a cliente fosse embora e anunciaram o assalto.

Com uma arma de fogo, fizeram ameaças à vítima e levaram do local R$ 120. Após o roubo, ordenaram que a mulher se trancasse no banheiro, para que eles fugissem.

Assim que os suspeitos saíam da loja, a veterinária chegou ao local e soube do roubo. O crime foi filmado por câmera de segurança.

Além do pet shop, outros comércios também foram roubados. Eles são descritos pelas vítimas como violentos.

Com as características dos suspeitos e do carro, os policiais iniciaram as buscas. Então, o suspeito foi preso em flagrante, enquanto o comparsa fugiu para um terreno baldio.

A arma, dinheiro e outros objetos foram encontrados na casa do suspeito e apreendidos.