Um homem de 52 anos foi levado em estado grave para a Santa Casa ser esfaqueado durante churrasco, na tarde deste domingo (22), no , na Capital. Os nomes nesta matéria foram trocados para proteger os envolvidos.

Conforme boletim de ocorrência, Nilson, de 51 anos, deu R$30 para a Zeca comprar cerveja. Ao retornar com a bebida, Zeca não quis entregar o troco para quem Nilson, que então o chamou de ladrão.

Irritado pelo xingamento, Zeca pegou uma cadeira e atingiu a região da cabeça de Nilson. Como reação, o amigo atingido pela cadeira pegou a faca que era usada no churrasco e acertou quatro golpes na barriga de Zeca. Ele fugiu após o esfaqueamento.

Zeca mora em frente da residência onde acontecia o churrasco e ficou deitado na calçada até a chegada do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Moradores da região informaram à Militar onde Nilson morava.

Ao chegar lá, a PM encontrou a de Nilson que o chamou. Ele entregou a faca usada no crime e foi encaminhado para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Santa Mônica para tratar o ferimento causado pela cadeirada. Após o atendimento, ele foi para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol.

Saiba Mais