Polícia

Mulher com deficiência intelectual sofre estupro coletivo em cidade de MS

Vítima havia desaparecido na madrugada de domingo (9)

Thatiana Melo Publicado em 10/01/2022, às 11h58

None
(Arquivo)

Uma mulher, de 35 anos, com deficiência intelectual acabou sofrendo estupro coletivo em Coxim, a 253 quilômetros de Campo Grande, ao desaparecer na madrugada de domingo (9). Um dos autores acabou preso.

A vítima desapareceu por volta das 2h30 da madrugada de domingo. A mãe da mulher contou que levantou para ir ao banheiro quando percebeu a porta da sala aberta e o portão sem cadeado. Segundo o site Edição de Notícias, a vítima foi levada para a Colônia de Pescadores por um homem, de 48 anos. 

Na Colônia, a mulher foi estuprada pelo autor e por outros homens. Durante as investigações e a prisão de um dos autores, a polícia apreendeu celulares. Nos aparelhos, foram encontradas várias mensagens obscenas. 

A polícia ainda deverá ouvir todas as pessoas que mantiveram contato com a vítima, tanto pessoalmente quanto por meio das redes sociais. O caso foi registrado como estupro de vulnerável, já que a vítima não tem discernimento do que ocorreu por ser deficiente intelectual. 

Jornal Midiamax