Polícia

Enfermeira é agredida em posto de saúde após mulher se recusar a esperar por teste de covid

Mulher não queria passar pela triagem no posto de saúde

Thatiana Melo Publicado em 13/01/2022, às 06h46

None
(Ilustrativa)

Uma enfermeira, de 44 anos, procurou a delegacia da cidade de Corumbá, a 444 quilômetros de Campo Grande, na noite dessa quarta-feira (12), depois de ser agredida em um posto de saúde por uma paciente que se recusava a passar pela triagem. 

A vítima contou, na delegacia, que estava na unidade de saúde e que, por volta das 16h30, chegou ao local uma mulher querendo fazer o teste de Covid-19. A paciente foi orientada a passar pela triagem antes, mas se recusou.

“Não vou passar de novo”, teria dito a mulher. A acusada afirmou que iria fazer uma denúncia contra a enfermeira, indo em direção ao balcão. A funcionária ainda disse que ela precisaria voltar no dia seguinte porque era necessário passar pela médica.

A enfermeira perguntou o nome da mulher que partiu para cima dela, pegou seu celular e jogou no balcão, causando lesões nas mãos da vítima. O caso foi registrado como lesão corporal dolosa.

Jornal Midiamax