Tutor que arrastou cachorro 'Thor' com corda presa em carro é indiciado por maus-tratos

Cachorro está sob os cuidados de uma veterinária
| 18/05/2022
- 12:22
Tutor que arrastou cachorro 'Thor' com corda presa em carro é indiciado por maus-tratos
(Foto: Divulgação/Decat)

O dono do cachorro Thor, um pit bull, foi indiciado pelos crimes de maus-tratos, segundo o delegado Maércio Alves da Decat (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Ambientais e de Atendimento ao Turista). O cachorro foi arrastado por uma corda presa no do autor.

Segundo o delegado, Thor está sob os cuidados de uma veterinária e foi enviado ao MPMS (Ministério Público Estadual) o pedido da perda de propriedade do tutor para que Thor possa ter um lar, disse Maércio. O caso ganhou repercussão em abril deste ano, quando imagens mostravam o animal ser arrastado, no Bairro Vila Nhanhá.

O dono do cachorro foi identificado e prestou depoimento no dia 18 de abril. A alegação é que a avó tinha saído com o carro e não viu o animal preso, mas parou o veículo assim que viu e o socorreu. O advogado informou que ainda é cedo para informar se a avó também deve prestar depoimento sobre o caso.

Cachorro arrastado

O caso ganhou repercussão quando protetores de animais denunciam imagens do acidente. Conforme a protetora independente, Mayara Van Der Lan, o vídeo chegou até ela na noite do dia 12 de abril, como pedido de ajuda. Ela foi até o local e conversou com funcionários da região. As câmeras de segurança flagraram o momento em que um Kadett arrasta o cão amarrado a uma corda presa no carro.

Um funcionário explicou que quando viu a violência levantou e saiu correndo atrás do carro, entretanto, o condutor estava em alta velocidade. O bicho estaria vivo e tentando levantar.

Veja também

Últimas notícias