Neste sábado (20), irmão de um homem de 38 anos procurou a Polícia Civil para relatar desaparecimento da vítima, para horas depois descobrir que o homem tinha sido rendido por traficantes. Ele estava desaparecido desde a noite de quinta-feira (18), quando saiu com o carro da mãe emprestado.

De acordo com o boletim de ocorrência, o homem saiu na noite de quinta-feira com o carro emprestado da mãe, uma Strada prata. Até a manhã deste sábado ele ainda não tinha dado qualquer sinal de vida, então o irmão procurou a e registrou o desaparecimento.

Horas depois, o irmão entrou em contato com o GOI (Grupo de Operações e Investigações) e relatou que a vítima é usuária de drogas e suspeitos teriam ligado para a mãe deles, dizendo que o irmão empenhorou a Strada. Os traficantes exigiam dinheiro para liberarem o homem e também o carro.

Equipe policial foi até a região do Tiradentes, onde localizou a Strada que era conduzida por um rapaz. Ele disse que tinha apenas pegado o carro emprestado de um conhecido e, minutos depois, os policiais do GOI encontraram o homem que estava desaparecido, na esquina das ruas Dalva de Oliveira com Lourenço de Jesus Ferro.

Ele relatou que foi rendido pelos suspeitos, que pegaram seu celular e também o carro, e só liberaram quando a mãe transferiu R$ 600. O dinheiro foi repassado ao próprio filho, que sacou o valor e então foi liberado. Foi então que a vítima reconheceu o rapaz que estava com a Strada como um dos responsáveis por o manterem .

Assim, o suspeito confessou que estava com o irmão, que é foragido, e que os dois venderam droga para a vítima, ficando com o carro como garantia até o pagamento. Droga foi localizada com o suspeito, que acabou detido em e encaminhado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol.