Um grupo armado e vestido com roupas camufladas invadiu uma residência no início da noite desta segunda-feira (28), em Pedro Juan Caballero, na fronteira com Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul. O ataque aconteceu no bairro São Blas e é investigado pela Polícia Nacional.

De acordo com as autoridades paraguaias, quatro pessoas faziam parte do grupo. Alguns deles, de acordo com a moradora da residência, conversavam em português. Eles estavam à procura do seu filho, que seria um desafeto dos criminosos.

Ainda segundo a testemunha, os pistoleiros apontaram uma arma para a sua filha e perguntaram sobre o irmão. Sem esconder os rostos, eles ainda vasculharam alguns cômodos da casa e depois deixaram o local.

O comissário José Nery Portillo, diretor de Prevenção e Segurança do Departamento de Amambay, disse em entrevista a uma emissora de rádio de Pedro Juan Caballero que há informações de que o homem que é procurado pelo grupo tem ficha criminal no Brasil.