Polícia

Preso por mostrar órgão genital em ônibus deve fazer acompanhamento psicológico

Ele mostrou o órgão para uma passageira

Renata Portela e Thatiana Melo Publicado em 09/09/2021, às 13h27

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - (Arquivo, Midiamax)

Preso em flagrante na quarta-feira (8), rapaz de 23 anos que mostrou órgão genitalpara uma passageira, de 48 anos, no coletivo que faz a linha Vila Nova Campo Grande foi liberado provisoriamente. Ao invés da prisão, ele deverá fazer acompanhamento psicológico.

O rapaz passou por audiência de custódia nesta quinta-feira (9), onde foi definido o encaminhamento ao Caps (Centro de Atenção Psicossocial). Segundo a vítima, ela estava sentada em um banco no fundo do ônibus e o rapaz ao lado dela. No trajeto, ele tirou para fora das calças o órgão genital.

Ainda conforme a mulher, ela gritou para o motorista do ônibus, que parou. A irmã do rapaz, que é vendedor, foi até eles e disse que se tratava de uma doença. O rapaz então falou que tinha “problema de fimose”, que não fazia tratamento e que o órgão genital inchava.

A mulher ainda disse que, quando percebeu o que havia acontecido, colocou a mochila que carregava no colo. O vendedor disse que está morando na cidade há três semanas, com a esposa que está grávida.

Jornal Midiamax