Polícia

“Não gosto de cachorro”, diz homem após ser preso em flagrante ao matar cão a tiro

Policial militar que passava pelo local viu homem apontando arma

Danielle Errobidarte e Marcos Morandi Publicado em 28/07/2021, às 14h30

None
(Foto: Divulgação/ 4º BPM)

Homem, de 40 anos, foi preso em flagrante, nesta quarta-feira (28), após atirar contra um cachorro, na cidade de Ponta Porã, distante 346 quilômetros da Capital. Questionado sobre o motivo de ter matado o animal, ele disse que “não gosta de cachorro” e confessou ter atirado com a intenção de matá-lo.

O autor foi preso no centro de Ponta Porã, quando um policial militar que passava pelo local, que fica próximo ao 4º Batalhão da PM, avistou o homem apontando uma arma para o cão, em seguida, acertando um tiro na região da cabeça do animal.

A arma utilizada no crime, um revólver calibre .38, não tinha registro e foi apreendida. Já o autor foi conduzido até a delegacia de polícia da cidade.

Jornal Midiamax