Polícia

Mulher sofre traumatismo craniano e fica em estado grave após ser agredida pelo marido

Ela teria sido espancada na frente dos filhos

Renata Portela Publicado em 19/04/2021, às 16h23

Homem foi preso pela Polícia Militar
Homem foi preso pela Polícia Militar - (Divulgação)

Na noite de domingo (28), mulher de 28 anos ficou em estado grave após ser agredida pelo marido, de 38 anos, em São Gabriel do Oeste, a 133 quilômetros de Campo Grande. O caso é tratado pela polícia como tentativa de femincídio.

Segundo a Polícia Militar, a mulher foi encontrada por testemunhas caída no chão, sendo espancada pelo marido. Assim, a polícia foi acionada e os militares encontraram a vítima com vários ferimentos. Ela foi socorrida e levada ao hospital pelo Corpo de Bombeiros.

Ainda de acordo com a polícia, no carro do casal estavam as duas crianças, filhas da vítima, que presenciaram todo o fato. Com autorização da mãe, eles foram entregues ao padrasto da vítima.

O autor recebeu voz de prisão e foi encaminhado para Delegacia de Polícia Civil, onde em depoimento afirmou que as agressões foram motivadas por ciúmes, dizendo que a vítima o teria traído. Ele foi autuado por tentativa de feminicídio.

Por conta da gravidade dos ferimentos, a vítima foi transferida para a Santa Casa de Campo Grande, onde deu entrada nesta segunda-feira (19). Conforme o Idest, a mulher sofreu traumatismo craniano moderado, além de trauma abdominal e torácico e múltiplas lesões no rosto.

Ela foi avaliada pela equipe da cirurgia geral e torácica, sendo liberada sem ser submetida a procedimento cirúrgico, mas aguarda avaliação dos demais especialistas. A vítima segue consciente, orientada e estável.

Jornal Midiamax