Polícia

Filmada nua em provador, modelo diz que surgiram mais vítimas de agência de Campo Grande

O caso veio à tona após a modelo perceber que havia uma câmera no provador da agência de modelos

None
Arquivo/ Midiamax

A modelo de 29 anos que foi filmada nua sem o seu consentimento no provador de uma agência de Campo Grande diz que está sendo procurada por outras vítimas do mesmo local. O caso veio à tona na última segunda-feira (6), após a mulher denunciar o caso depois de perceber que estava sendo gravada por uma câmera escondida.

“Várias meninas estão vindo me procurar para relatar algo parecido com o que passei, inclusive a mãe de uma modelo mirim. Não posso falar por elas, eu posso falar por mim, mas se realmente também foram vítimas, eu sugiro que procurem a delegacia para registrarem as ocorrências”, disse a modelo.

A câmera que filmou a vítima era de um notebook que pertence ao dono e fotógrafo da agência de modelos, localizada na Rua Rui Barbosa, no centro de Campo Grande. Ao perceber que estava sendo filmada, a modelo acionou a Polícia Militar que prendeu o suspeito.

Para ter provas contra o dono da agência, ao perceber que estava sendo filmada, a vítima gravou um vídeo o qual comprova que ela aparece nua nas gravações.

O caso foi registrado na Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher).

Veja o vídeo que comprova a denúncia da modelo: 

Jornal Midiamax