Polícia

Golpe do WhatApp clonado fez vítima perder quase R$ 9 mil em Rio Brilhante

O golpista passou uma conta de PIX, porém a vítima pediu que ele enviasse uma conta do Banco do Brasil

Marcos Morandi Publicado em 16/08/2021, às 11h07

Golpista se apresentou como filho da vítima
Golpista se apresentou como filho da vítima - Reprodução

Na última sexta-feira (13), uma senhora de 62 anos, moradora em Rio Brilhante, procurou a Delegacia de Polícia Civil para registrar boletim de ocorrência devido ao crime de estelionato. Conforme boletim, a vítima relatou que uma pessoa através do WhatsApp, com a foto do seu filho, entrou em contato com ela, através de um telefone desconhecido.

Mas como seu filho disse que trocaria de número, a vítima não suspeitou do possível crime. Nas mensagens do golpista, ela recebeu as mensagens dele, onde seu filho lhe cumprimentou passou a conversar com ela, sendo que ela chegou a questionar o número novo que ele estava usando.

Entretanto, ele deu algumas justificativas e logo disse que precisava realizar pagamentos e não estava conseguindo, achando que estava com problemas na senha eletrônica dele. Logo, pediu para ela enviar a quantia de R$ 8.958,55, pois estava necessitando e que lhe devolveria nesta segunda-feira (16).

O golpista passou uma conta de PIX, porém a vítima pediu que o suposto filho pudesse passar uma conta do Banco do Brasil que ficaria melhor para ela. O golpista passou outra conta de uma terceira pessoa e ela acabou efetuando a transferência.

Jornal Midiamax