Polícia

Encontrado morto a tiros no Colibri foi assassinado por vizinho após briga

A Polícia Civil esclareceu o homicídio de Marcelo Aparecido Crispim, 38 anos, ocorrido no último domingo (7) no Jardim Colibri. Ele havia se mudado para a região há apenas três dias e teve uma discussão com o vizinho, de 20 anos, que cometeu o crime. Conforme as informações da 5ª Delegacia de Polícia Civil, foi […]

Renata Portela Publicado em 12/02/2021, às 12h53

Revólver foi apreendido / Divulgação, Polícia Civil
Revólver foi apreendido / Divulgação, Polícia Civil - Revólver foi apreendido / Divulgação, Polícia Civil

A Polícia Civil esclareceu o homicídio de Marcelo Aparecido Crispim, 38 anos, ocorrido no último domingo (7) no Jardim Colibri. Ele havia se mudado para a região há apenas três dias e teve uma discussão com o vizinho, de 20 anos, que cometeu o crime.

Conforme as informações da 5ª Delegacia de Polícia Civil, foi identificado que Marcelo morava há apenas três dias naquele local e se envolveu em briga com outro morador, da mesma rua. A equipe policial então conseguiu identificar o autor do crime, de 20 anos, que já tem passagem por furto.

Após desentendimento por causa de uma terceira pessoa, o rapaz teria saído do local para buscar a arma de fogo, um revólver calibre 32. Ao encontrar Marcelo sentado em um banco de madeira, na frente de casa, ele atirou na testa da vítima.

Em seguida, Marcelo caiu e o autor do crime ainda atirou mais 5 vezes, fugindo em seguida. Ele permaneceu escondido até se apresentar na delegacia e entregar a arma de fogo. O rapaz assumiu o crime e foi indiciado por homicídio.

Jornal Midiamax