Polícia

Dez minutos: tempo que durou perseguição e troca de tiros que acabou com ladrão morto

Bandido atirou contra a viatura dos policiais que revidaram atingindo Vinícius no tórax

Thatiana Melo e Gabriel Neves Publicado em 17/09/2021, às 10h49

None

Foram cerca de 10 minutos entre a perseguição e a troca de tiros entre policiais militares e um criminoso identificado como Vinícius Salazar Canhete, que morreu na noite desta quinta-feira (16), no bairro Morada Verde, em Campo Grande, após o roubo de um celular.

Pelas imagens é possível ver quando a motocicleta pilotada por Vinícius passa em alta velocidade e logo vem atrás uma viatura da PM. Ele parou a moto próximo a uma meio-fio da rua Albatroz, tirando uma arma da cintura e atirando contra a viatura da polícia.

Neste momento, os policiais revidaram, fazendo disparos e atingindo Vinícius no tórax. 

Perseguição

A perseguição aconteceu por dois bairros de Campo Grande, passando da Vila Nasser, Nova Lima chegando ao Morada Verde. Foi dada ordem de parada várias vezes para Vinícius, que estava em uma motocicleta, de cor preta, mas ele não obedeceu.

Já em frente a um condomínio na rua Albatroz, Vinícius parou a moto junto ao meio-fio, retirando da cintura uma arma e disparando contra os policiais. O tiro acertou a porta do comandante da viatura, que fez disparos. Dois deles acertaram Vinícius no tórax. Ele foi socorrido pelos militares e encaminhado para a Santa Casa, mas 10 minutos depois acabou morrendo. 

Com o autor, foi encontrado um celular e R$ 1.137, além da arma usada para cometer o roubo e seis munições, sendo uma deflagrada. Vinícius seria autor de vários roubos na região. Ele estaria agindo nos bairros há cerca de 20 dias.

Jornal Midiamax