Polícia

Corpo de piloto corumbaense foi encontrado a 16 km dos destroços de avião que caiu no mar

Mãe de piloto está a caminho de São Paulo

Thatiana Melo Publicado em 26/11/2021, às 07h38

None
(Reprodução)

O corpo resgatado do mar, na região de Paraty, no Rio de Janeiro é do piloto corumbaense, Gustavo Calçado Carneiro, de 27 anos. Além dele, outras duas pessoas estavam na aeronave que caiu na manhã de quarta-feira (24).

O corpo de Gustavo estava a 16 quilômetros de distância de onde estavam os destroços do bimotor que saiu de Campinas, em São Paulo, e pousaria no Aeroporto de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. Na manhã de quarta-feira (24), por volta de 11h, Gustavo chegou a fazer 'check-in' no Facebook informando que estava no Aeroporto Campo dos Amarais, em Campinas.  

Leila Reis Calçado, mãe do piloto, contou que recebeu a notícia do acidente na noite de quarta (24), quando voltava de um culto em Ladário. A família chegou a Corumbá quando Gustavo tinha cinco meses. Ele ficou lá até o Ensino Médio, quando se mudou para cursar Ciências da Aeronáutica e fez cursos para se tornar piloto. De acordo com Leila, Gustavo tinha planos de montar uma companhia aérea em Corumbá.

Jornal Midiamax