Polícia

Após 10 dias internado, morre idoso encontrado ensanguentando em casa de Cassilândia

Morreu na madrugada deste domingo (24), Raulino Gomes Pereira, de 65 anos, após ficar 10 dias internado no hospital. A vítima teve a casa invadida por ladrões, foi encontrado por vizinhos desacordado e ensanguentado, em Cassilândia, a 430 quilômetros de Campo Grande. Segundo o Cassilândia News, o idoso foi socorrido no dia 14 de janeiro […]

Karina Campos Publicado em 24/01/2021, às 17h15

(Foto: Reprodução/Midiamax)
(Foto: Reprodução/Midiamax) - (Foto: Reprodução/Midiamax)

Morreu na madrugada deste domingo (24), Raulino Gomes Pereira, de 65 anos, após ficar 10 dias internado no hospital. A vítima teve a casa invadida por ladrões, foi encontrado por vizinhos desacordado e ensanguentado, em Cassilândia, a 430 quilômetros de Campo Grande.

Segundo o Cassilândia News, o idoso foi socorrido no dia 14 de janeiro e levado para a Santa Casa da cidade, mas devido à gravidade foi transferido para o Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, em Três Lagoas, onde não resistiu e morreu.

Conforme o boletim de ocorrência, um amigo do idos foi quem chamou a polícia quando ao chegar a residência, viu a vítima caída em um dos quartos com muito sangue em volta de sua cabeça. Ele estava desacordado. A irmã do idoso também foi chamada até a residência.

Não há informações se na porta da casa havia sinais de arrombamento ou se os móveis estavam revirados. No bolso da vítima foram encontrados R$ 2 mil, sendo que sua irmã contou que a carteira do idoso havia sumido e que ela havia mais dinheiro. A vítima foi levada para o hospital onde permaneceu internada e nãos e sabe sobre seu estado de saúde.

O idoso é filho do pai do ex-vereador Eder Quirino.

Jornal Midiamax