Polícia

Colegas encontram peão de fazenda morto no meio do pasto

A polícia da cidade de Santa Rita do Pardo, a 267 quilômetros de Campo Grande investiga a morte de Francisco Salustiano Mota de 64 anos. Ele teria sido encontrado por dois colegas da fazenda caído em meio ao pasto da propriedade rural. Segundo o relato dos amigos, Francisco havia saído para trabalhar na parte da […]

Thatiana Melo Publicado em 20/02/2020, às 07h32 - Atualizado às 07h58

Corpo tinha sangramento pelo ouvido (Ilustrativa)
Corpo tinha sangramento pelo ouvido (Ilustrativa) - Corpo tinha sangramento pelo ouvido (Ilustrativa)

A polícia da cidade de Santa Rita do Pardo, a 267 quilômetros de Campo Grande investiga a morte de Francisco Salustiano Mota de 64 anos. Ele teria sido encontrado por dois colegas da fazenda caído em meio ao pasto da propriedade rural.

Segundo o relato dos amigos, Francisco havia saído para trabalhar na parte da manhã desta quarta-feira (19), sendo que por volta das 15 horas do mesmo dia, os colegas encontraram o corpo do peão caído em meio ao pasto. Eles socorreram o homem e o levaram para o hospital da cidade.

Mas, Francisco já estava sem vida quando deu entrada no hospital. A polícia foi chamada e desconfia de que Francisco tenha sido assassinado, já que havia sangramento em seu ouvido e larva de moscas pelo corpo, o que indicaria que a morte tenha sido antes do que foi informado pelos colegas da vítima.

Jornal Midiamax