Polícia

Passageira de camionete que caiu no córrego passa por cirurgia na Santa Casa

A passageira de 32 anos, que estava na camionete F-250 que caiu no córrego na madrugada de domingo (25), na Avenida Ernesto Geisel, deve passar ainda nesta segunda-feira (26) por uma cirurgia na Santa Casa devido ao ferimento de tiro na coxa. Segundo a assessoria do hospital, a paciente está na área verde aos cuidados […]

Thatiana Melo Publicado em 26/10/2020, às 09h04

(Henrique Arakaki, Midiamax)
(Henrique Arakaki, Midiamax) - (Henrique Arakaki, Midiamax)

A passageira de 32 anos, que estava na camionete F-250 que caiu no córrego na madrugada de domingo (25), na Avenida Ernesto Geisel, deve passar ainda nesta segunda-feira (26) por uma cirurgia na Santa Casa devido ao ferimento de tiro na coxa.

Segundo a assessoria do hospital, a paciente está na área verde aos cuidados da ortopedia onde aguarda a realização de procedimento cirúrgico por causa do ferimento extenso na coxa esquerda. Ela foi levada para o hospital consciente e orientada e a princípio não corre risco de morte.

A camionete em que a mulher estava caiu no córrego depois de ser atingida por sete tiros disparados por um motociclista, na Avenida Ernesto Geisel. Emerson havia saído de uma boate na região. Ele estava com R$ 6 mil em dinheiro quando foi ao estabelecimento comercial, sendo encontrado no carro, apenas, R$ 2 mil.

Emerson estava em sua camionete seguindo em direção ao shopping, quando uma motocicleta parou ao lado do carro e fez vários disparos, sendo sete atingindo a porta do passageiro.

Ele tentou fugir, mas perdeu o controle e caiu no córrego. Nisso, o motociclista deu a volta e fez mais cinco disparos contra o motorista, um total de cinco. Emerson morreu no local. A perícia recolheu 12 estojos e dois de calibre 9mm, além de um facão.

Jornal Midiamax