Polícia

Negada liberdade a jovem que tentou matar desafetos após discussão em festa

Desembargadores da 1ª Câmara Criminal do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) mantiveram a prisão preventiva de um rapaz de 18 anos acusado de participar de uma tentativa de homicídio, juntamente com o comparsa de 22 anos, ocorrida no dia 31 de agosto, em frente a uma conveniência no bairro Pioneiros, em […]

Renan Nucci Publicado em 11/12/2020, às 15h15

(Ilustrativa)
(Ilustrativa) - (Ilustrativa)

Desembargadores da 1ª Câmara Criminal do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) mantiveram a prisão preventiva de um rapaz de 18 anos acusado de participar de uma tentativa de homicídio, juntamente com o comparsa de 22 anos, ocorrida no dia 31 de agosto, em frente a uma conveniência no bairro Pioneiros, em Campo Grande. Duas pessoas acabaram feridas as tidos na ocasião. 

Conforme apurado, a defesa ingressou com pedidos de habeas corpus solicitando a revogação da prisão ou a substituição por medidas cautelares, sobre alegação de constrangimento ilegal e risco de contaminação com o coronavírus (Covid-19) no presídio. No entanto, o pedido foi rejeitado, conforme decidido pelo desembargador Emerson Cafure, relator do processo.

“No caso dos autos, a custódia cautelar se revela imprescindível para a contemporânea necessidade de resguardar a ordem pública, haja vista a acentuada gravidade concreta da conduta delituosa sob apuração, uma vez que o paciente, aparentemente no curso de um plano que visava executar desafetos […] Além disso, a prisão preventiva mostra-se necessária para assegurar a aplicação da lei penal, pois ele fugiu do sem prestar o devido socorro às vítimas, somente sendo localizado no dia seguinte em razão de indicação efetuada por uma testemunha”, lê-se na decisão.

Confusão e tiros

A princípio a confusão teria começado em uma festa no Parque do Lageado, onde estava o jovem de 18 anos, acompanhado de um adolescente de 17 anos. Assim, ambos estavam com duas jovens, mas os ex-namorados delas também estavam na festa. Então, houve uma briga entre eles por ciúmes, que deu início a ameaças.

Após a confusão, os jovens foram até uma conveniência no Moreninha II, onde obtiveram mais informações sobre os ex-namorados das meninas. Então, com a motocicleta emprestada e com ajuda do amigo de 22 anos, o jovem de 18 anos foi até a conveniência no Pioneiros onde os desafetos estariam.

Assim, ele pilotava a moto, enquanto o rapaz de 22 anos portava a arma de fogo, na garupa da moto. Ao passarem pela conveniência, foram feitos os disparos, que atingiram o proprietário e um cliente, ambos de 24 anos. Eles não sofreram ferimentos graves, mas foram socorridos para atendimento médico.

Em seguida, equipes do Batalhão de Choque fizeram buscas pelos autores, que foram presos em flagrante. A arma foi encontrada com o rapaz de 22 anos em casa, embaixo do armário da cozinha. Com isso, eles foram levados para a delegacia e passaram por audiência de custódia no dia seguinte, tendo a prisão preventiva decretada.

Jornal Midiamax