Polícia

Julgamento de rapaz que estuprou e assassinou a tia em MS é reagendado

Foi reagendado para dia 27 de agosto o julgamento, por meio de júri popular, de Matheus Nucci. O rapaz de 24 anos está preso desde julho de 2019, acusado de estuprar e matar a tia Lúcia Maria Bezerra dos Santos, de 64 anos, em Nova Andradina, a 297 quilômetros de Campo Grande. A princípio, o […]

Renata Portela Publicado em 06/08/2020, às 08h50

Matheus foi preso pelo homicídio e estupro da tia (Foto: Nova News)
Matheus foi preso pelo homicídio e estupro da tia (Foto: Nova News) - Matheus foi preso pelo homicídio e estupro da tia (Foto: Nova News)

Foi reagendado para dia 27 de agosto o julgamento, por meio de júri popular, de Matheus Nucci. O rapaz de 24 anos está preso desde julho de 2019, acusado de estuprar e matar a tia Lúcia Maria Bezerra dos Santos, de 64 anos, em Nova Andradina, a 297 quilômetros de Campo Grande.

A princípio, o julgamento estava marcado para o dia 16 de julho, mas como foi prorrogado o regime de plantão pelo TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), acabou adiado. Assim, o júri foi reagendado para o dia 27 de agosto, tendo início às 8h30.

Conforme o Nova News, a participação do réu deve acontecer por meio de videoconferência. Isso por causa da pandemia do novo coronavírus. Quanto aos jurados, apenas os sorteados devem comparecer.

Relembre o caso

Naquele dia 19 de julho de 2019, Matheus teria ameaçado a tia e a estuprado. Em seguida, ao perceber que tinha sido reconhecido por ela, ele golpeou a vítima com uma faca na garganta, matando Lúcia.

Após os crimes, o rapaz fugiu, mas acabou detido na casa da namorada, no dia 25 de julho.

Jornal Midiamax