Polícia

Grávida em trabalho de parto se envolve em acidente e caminhoneiro foge sem prestar socorro

Uma grávida de 22 anos em trabalho de parto teve de ser levada às pressas à Santa Casa de Campo Grande após um acidente com um caminhão na BR-060, saída para Sidrolândia, na madrugada desta sexta-feira (13). O carro onde ela e o esposo estavam foi atingido de raspão por um caminhão, o motorista perdeu […]

Danielle Errobidarte Publicado em 13/11/2020, às 14h40

Grávida foi levada à Santa Casa. (Foto: Ilustrativa)
Grávida foi levada à Santa Casa. (Foto: Ilustrativa) - Grávida foi levada à Santa Casa. (Foto: Ilustrativa)

Uma grávida de 22 anos em trabalho de parto teve de ser levada às pressas à Santa Casa de Campo Grande após um acidente com um caminhão na BR-060, saída para Sidrolândia, na madrugada desta sexta-feira (13). O carro onde ela e o esposo estavam foi atingido de raspão por um caminhão, o motorista perdeu o controle, bateu em árvores e tombou. O caminhoneiro fugiu sem prestar socorro e o veículo foi encontrado 20 km a frente.

A grávida e o marido, de 42 anos, saíram de Campo Grande com destino à Sidrolândia. Eles tinham planejado ter o bebê em um centro de parto humanizado da cidade do interior. No trajeto, o caminhão Mercedes, com placas de Sidrolândia, atingiu o Fiat Uno em que o casal estava. Com a pancada, a roda ficou danificada e o carro foi para fora da pista.

Logo após, ainda em movimento, o carro bateu de frente em um monte de terra e tombou, ficando com as rodas para cima. Trancados dentro do carro, o motorista conseguiu quebrar o vidro com chutes, sair do carro e retirar a esposa pela janela. Ao procurarem o caminhão, já na rodovia, viram que o motorista havia fugido do local.

Então, o homem pediu carona para a esposa e um motorista que passava pelo local a levou até o Hospital Regional Rosa Pedrossian, onde acionou o Corpo de Bombeiros e explicou a situação. Chorando muito, ela foi encaminhada à Santa Casa e ficou em trabalho de parto por cerca de 18 horas.

Cerca de 20 km após o local do acidente, o caminhão foi encontrado pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) enquanto a equipe ainda fazia o transporte do motorista – que se queixava de dores no quadril – até a Santa Casa. O motorista ainda afirmou que ele havia pedido o carro do irmão emprestado. O Fiat Uno deu perda total e o condutor do caminhão ainda não foi localizado.

Segundo a assessoria de imprensa da Santa Casa, a grávida estava de 38 semanas e realizou parto normal, ainda na madrugada desta sexta-feira. Ela segue sob os cuidados da equipe de ginecologia e obstetrícia e está realizando exames de imagem.

Jornal Midiamax