Polícia

Dupla que manteve família de funcionário da PF em cárcere durante assalto usou carro roubado para o crime

A dupla que manteve a família de um funcionário da Polícia Federal em cárcere privado durante um assalto, no fim da tarde da última terça-feira (13), em Campo Grande teria roubado um Fiat Uno para cometer o roubo abandonando o veículo em seguida sem as rodas. A Polícia Civil através da Derf (Delegacia de Roubos […]

Thatiana Melo Publicado em 15/10/2020, às 09h02

(Divulgação DERF)
(Divulgação DERF) - (Divulgação DERF)

A dupla que manteve a família de um funcionário da Polícia Federal em cárcere privado durante um assalto, no fim da tarde da última terça-feira (13), em Campo Grande teria roubado um Fiat Uno para cometer o roubo abandonando o veículo em seguida sem as rodas.

A Polícia Civil através da Derf (Delegacia de Roubos e Furtos) conseguiu localizar a dupla no bairro onde eles moravam, no Nova Campo Grande. Foram presos Lucas Gabriel Agostini de 20 anos, e Gustavo Fonseca Gomes conhecido como ‘Japa’ de 20 anos. Um adolescente de 16 anos, irmão de Lucas, foi apreendido por participar do crime.

Quando presos, os dois rapazes confessaram o crime dizendo que invadiram a casa por acharem que a residência estava vazia, mas ao entrarem na casa perceberam que havia dois jovens no local, filhos do funcionário da PF, que foram trancados no banheiro da casa enquanto os bandidos faziam um ‘limpa’.

O adolescente ficou no carro dando apoio de fuga para os comparsas que estavam dentro da casa. Os objetos roubados, notebooks, celulares e televisão foram recuperados e devolvidos ao dono.

Jornal Midiamax