Polícia

Segunda etapa da Operação Fronteira Segura ganha reforço do Exército

A ‘Operação Fronteira Segura’ que acontece desde 18 de janeiro, em Ponta Porã, a 312 quilômetros da Capital, ganha o reforço do Exército Brasileiro. A informação foi divulgada na segunda-feira (4) após reunião coordenada pelo GGIFON/DIV (Gabinete de Gestão Integrada de Fronteiras e Divisas) da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública). Na […]

Cleber Rabelo Publicado em 05/02/2019, às 17h32 - Atualizado às 17h33

Foto: Reprodução/ Portal do MS
Foto: Reprodução/ Portal do MS - Foto: Reprodução/ Portal do MS

A ‘Operação Fronteira Segura’ que acontece desde 18 de janeiro, em Ponta Porã, a 312 quilômetros da Capital, ganha o reforço do Exército Brasileiro.

A informação foi divulgada na segunda-feira (4) após reunião coordenada pelo GGIFON/DIV (Gabinete de Gestão Integrada de Fronteiras e Divisas) da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública). Na primeira fase, a ação contou com participação das polícias estaduais, já na próxima etapa, além do 11° Regimento de Cavalaria Mecanizado, a operação contará com o apoio da PF (Polícia Federal), PRF (Polícia Rodoviária Federal) e Guarda Municipal.

O coordenador da ação, coronel Edimilson de Oliveira Ribeiro, informou que a reunião definiu as estratégias que serão adotadas para a segunda fase.

“O nosso foco, a partir desta terça-feira (5) contempla a união das forças de segurança dos três entes federativos, com o desenvolvimento de atividades na região urbana e rural de Ponta Porã e cidades circunvizinhas, com a realização de ações de saturação, prevenção e repressão ao crime organizado”, informou.

Jornal Midiamax