Polícia

Assistência Social é notificada para esclarecer estupro de menino em casa de acolhimento

Um vereador usou a sessão ordinária da Câmara Municipal de Três Lagoas, distante 326 km de Campo Grande, para denunciar um estupro de uma criança de 4 anos, dentro de uma casa de acolhimento da cidade. O vereador recebeu a denúncia após o menino ser atendido em uma Upa (Unidade de Pronto Atendimento) nesta quarta-feira […]

Dayene Paz Publicado em 20/03/2019, às 14h24 - Atualizado em 21/03/2019, às 13h07

Foto: llustrativa
Foto: llustrativa - Foto: llustrativa

Um vereador usou a sessão ordinária da Câmara Municipal de Três Lagoas, distante 326 km de Campo Grande, para denunciar um estupro de uma criança de 4 anos, dentro de uma casa de acolhimento da cidade.

O vereador recebeu a denúncia após o menino ser atendido em uma Upa (Unidade de Pronto Atendimento) nesta quarta-feira (20), quando o caso veio à tona. O parlamentar afirmou que algumas pessoas tentavam ‘esconder o crime’, mas que acionou o Conselho Tutelar sobre o caso e notificou a Secretaria de Assistência Social para dar esclarecimentos em até 15 dias.

Aproximadamente 40 crianças estão recolhidas no local. O adolescente suspeito do crime, que estaria na unidade, já teria histórico de estupro. A criança passou por exames e a Polícia Civil aguarda os laudos.

Jornal Midiamax