Polícia

Quadrilha lucrou R$ 200 mil com golpe em idosos de Campo Grande

Quadrilha de estelionatários que agia enganando idosos para ter acesso às contas deles, deu um prejuízo de R$ 200 mil, conforme investigação da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande. Nesta sexta-feira (10), foi cumprido mais um mandado de prisão contra um quinto integrante da quadrilha. Os bandidos agiam desde outubro de 2018, conforme […]

Dayene Paz Publicado em 10/05/2019, às 13h03

Foto: Divulgação.
Foto: Divulgação. - Foto: Divulgação.

Quadrilha de estelionatários que agia enganando idosos para ter acesso às contas deles, deu um prejuízo de R$ 200 mil, conforme investigação da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande. Nesta sexta-feira (10), foi cumprido mais um mandado de prisão contra um quinto integrante da quadrilha.

Quadrilha lucrou R$ 200 mil com golpe em idosos de Campo GrandeOs bandidos agiam desde outubro de 2018, conforme apurado pela investigação. Também foram apreendidas 13 máquinas de cartão, que os bandidos utilizavam para realizar compras, após recolherem os cartões das vítimas.

Os bandidos se passavam por funcionários de banco, ligavam para a vítima alertando que seu cartão bancário havia sido clonado e que diversas compras indevidas haviam sido realizadas.Na sequência, eles orientavam a vítima a efetuar ligação telefônica para a central do banco. Em razão de um possível sistema de direcionamento de chamadas instalado, a ligação é atendida por outro membro da organização que solicita a confirmação dos dados cadastrais da vítima e senha do cartão.

Depois, de acordo com a polícia, os golpistas orientam a vítima a redigir uma carta não reconhecendo tais compras realizadas e inserir a carta, junto com o cartão bancário – que o estelionatário orienta que seja quebrado, porém preservando o chip e código de segurança para posterior perícia – em um envelope e entregá-lo ao “motoboy” do banco, mediante identificação deste por uma senha. Os cartões recolhidos são entregues a um outro membro da organização que efetua as compras e saques, conforme orientação do comando.

Jornal Midiamax