Polícia

Quadrilha encurrala polícia e usa super lança-chamas para explodir cofre de banco

A quadrilha que provocou terror na cidade de Coronel Sapucaia –a 380 quilômetros de Campo Grande – durante a madrugada desta sexta-feira (5) explodiu uma agência bancária usando no assalto um super lança-chamas. Os bandidos chegaram a encurralar a polícia fazendo disparos contra a delegacia. Segundo o delgado Fábio Peró, do Garras (Delegacia Especializada de […]

Thatiana Melo Publicado em 05/04/2019, às 08h28 - Atualizado às 13h19

None

A quadrilha que provocou terror na cidade de Coronel Sapucaia –a 380 quilômetros de Campo Grande – durante a madrugada desta sexta-feira (5) explodiu uma agência bancária usando no assalto um super lança-chamas. Os bandidos chegaram a encurralar a polícia fazendo disparos contra a delegacia.

Segundo o delgado Fábio Peró, do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros), que está na cidade neste momento investigando o caso, os bandidos usaram além do lança-chamas, bombas para destruir o cofre central do banco. Os caixas eletrônicos não foram depredados, demonstrando que o foco dos ladrões era o cofre da unidade.

Os bandidos conseguiram acesso ao dinheiro, mas ainda não se sabe a quantidade levada e nem quanto de explosivo foi usado pela quadrilha. Além dos instrumentos considerados de forte potencial ofensivo pela polícia, os bandidos também estavam fortemente armados com fuzis. Vários carros que estavam estacionados na rua foram atingidos pelos tiros.

Segundo o delegado Mikail Faria, os integrantes da quadrilha encurralaram a polícia fazendo vários disparos contra a delegacia. Os bandidos são procurados.

Uma van da prefeitura de Dourados, que levava pacientes para o hospital foi atingida por vários tiros. Moradores da cidade ficaram assustados e vários áudios foram gravados, onde é possível ouvir os tiros feitos pela quadrilha, que fugiu em direção a Capitan Bado. Não há informações de feridos.

Equipes do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) também estão no local.

Agências bancárias assaltadas

Em 2018, duas agências bancárias de Chapadão do Sul foram alvos de uma quadrilha. As agências bancárias ficam 250 metros de distância uma da outra e a primeira a ser a arrombada foi a do Banco do Brasil, em seguida a da Caixa Econômica Federal. Os bandidos ainda fecharam uma saída da cidade.

Parte da quadrilha foi para frente do quartel da Polícia Militar e outra parte para o prédio da Policia Civil. Eles efetuaram disparos contra os prédios para impedir que os policiais saíssem do local. Os valores levados pelos bandidos não foram revelados. Mas, informações são de que os caixas estavam cheios, já que no dia seria pagamento de quem trabalha em usinas e fazendas próximas.

Segundo o delegado Fábio Peró do Bando do Brasil foram levados menos que R$ 500 mil e da Caixa Econômica Federal menos que R$ 50 mil.

Jornal Midiamax