Polícia

Esfaqueado em briga de vizinhos está intubado em estado grave

É grave o estado de saúde do homem de 64 anos esfaqueado em uma briga com vizinho na noite desta segunda-feira, na Avenida Noroeste, bairro Cabreúva, em Campo Grande. A vítima fez procedimento cirúrgico com a equipe de cirurgia geral da Santa Casa, a fim de averiguar as lesões provocadas nos órgãos internos. Ele segue […]

Renan Nucci Publicado em 24/09/2019, às 16h27 - Atualizado às 17h23

Confusão aconteceu na noite de segunda-feira. Foto: Guilherme Cavalcante
Confusão aconteceu na noite de segunda-feira. Foto: Guilherme Cavalcante - Confusão aconteceu na noite de segunda-feira. Foto: Guilherme Cavalcante

É grave o estado de saúde do homem de 64 anos esfaqueado em uma briga com vizinho na noite desta segunda-feira, na Avenida Noroeste, bairro Cabreúva, em Campo Grande. A vítima fez procedimento cirúrgico com a equipe de cirurgia geral da Santa Casa, a fim de averiguar as lesões provocadas nos órgãos internos. Ele segue internado no CTI, sedado e intubado, mas em recuperação.

O outro homem, de 49 anos, está consciente, orientado e foi avaliado para necessidade de uma cirurgia no tórax, em razão de ter sido baleado, no entanto os médicos consideraram que o tratamento para este caso seria conservador, sem necessidade de operá-lo. Entretanto, ele aguarda cirurgia da ortopedia, por conta de disparo que o atingiu na clavícula. Ele está na Área Verde.

Conforme noticiado, dois homens discutiam na porta de uma vila quando um senhor, também morador do local, chegou ao recinto e passou a defender um deles. Eles seguiram trocando ofensas pelo interior da vila quando o senhor teria efetuado um disparo de arma de fogo, atingindo o outro na região do tórax.

Conforme as informações preliminares, após o disparo, os envolvidos teriam saído novamente para a calçada, ocasião na qual o autor do disparo teria escondido a arma no canteiro central da Avenida Noroeste. Ele teria retornado à calçada e continuado ofensas contra o vizinho, quando este efetuou um golpe de facão no abdômen. A PM (Polícia Militar) atendeu a ocorrência e encontrou tanto a arma de fogo como o facão, que teria sido jogado na casa de outro vizinho.

Jornal Midiamax