Polícia

Campo-grandense da Força Aérea morre em acidente em São Paulo

O campo-grandense Eduardo Soldi Navarro, 22 anos, morreu na noite da última sexta-feira (26) vítima de um grave acidente na rodovia SP-225, na cidade de Aguaí (SP). Eduardo era cadete do 4º ano da AFA (Academia da Força Aérea) em Pirassununga, em São Paulo, seguindo o exemplo do pai, oficial da FAB (Força Aérea Brasileira) […]

Dayene Paz Publicado em 28/07/2019, às 12h21 - Atualizado às 13h56

Foto: Divulgação.
Foto: Divulgação. - Foto: Divulgação.

O campo-grandense Eduardo Soldi Navarro, 22 anos, morreu na noite da última sexta-feira (26) vítima de um grave acidente na rodovia SP-225, na cidade de Aguaí (SP). Eduardo era cadete do 4º ano da AFA (Academia da Força Aérea) em Pirassununga, em São Paulo, seguindo o exemplo do pai, oficial da FAB (Força Aérea Brasileira) na Capital de Mato Grosso do Sul.

A mãe do jovem, em uma publicação pelo Facebook, relatou que o filho estaria indo ao encontro da família em outra cidade paulista. “Meu filho faleceu ontem em um trágico acidente de carro enquanto vinha em nosso encontro em Atibaia”, publicou.

Eduardo conduzia um veículo Chevrolet Prisma, cor prata, placas de Campo Grande (MS), quando colidiu com um caminhão com placas da cidade de Leme, que entrava na rodovia. O Prisma chegou a capotar e parou no acostamento. No local haviam toras de madeira pela faixa de rolamento e um pedaço de para-choque de caminhão.

Conforme as informações do site Repórter Naressi, a Polícia Militar Rodoviária esteve no local, assim como o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que socorreu Eduardo. O jovem morreu ao dar entrada no hospital.

Durante a realização da perícia no local do acidente, o motorista do caminhão, de 42 anos, morador de Aguaí, chegou acompanhado por um advogado. Ele contou que acionou o socorro, mas não ficou no local do acidente porque ficou nervoso. O motorista fez o teste do bafômetro que não constatou teor alcoólico. Ele também fez coleta sanguínea para posterior exame de dosagem alcoólica.

Jornal Midiamax