Polícia

Suspeita de envenenar comida de genro passa por exame psiquiátrico

O laudo deverá ser juntado no inquérito

Diego Alves Publicado em 31/03/2018, às 00h23

None

O laudo deverá ser juntado no inquérito

Uma idosa de 62 anos,  suspeita de ter envenenado o genro de 42 anos no último dia 18,  passou por exame de sanidade mental a pedido do delegado Alessandro Capobianco, da 3ª Delegacia de Polícia Civil de Três Lagoas.Suspeita de envenenar comida de genro passa por exame psiquiátrico

De acordo com o site JPNews, o laudo deverá ser juntado no inquérito, além de outros dois toxicológicos da vítima que consumiu feijoada e de três cães que teriam morrido ao comerem a mesma comida.

A Polícia Civil acompanhou a exumação dos cachorros, no bairro Guanabara, na semana passada.  Na ocasião, o homem chegou a ser internado no Hospital Auxiliadora, onde precisou de desintoxicação.

O material para laudo foi colhido no mesmo dia e, juntamente com os dos animais, foram enviados para Campo Grande, onde serão analisados por laboratório especializado. 

A suspeita é de que a comida tenha sido envenenada com “chumbinho”, pois um frasco vazio do veneno foi encontrado na casa. O caso está sob segredo de Justiça, segundo informou o delegado Capobianco. 

Jornal Midiamax