Marido que matou mulher na frente dos filhos é condenado a 15 anos de prisão

Cravou uma faca no peito da esposa 
| 08/03/2018
- 02:37
Marido que matou mulher na frente dos filhos é condenado a 15 anos de prisão

Cravou uma faca no peito da esposa 

Cleiton Moreira da Costa foi condenado a 15 anos de prisão pela morte da esposa Francielle Corrêa da Silva, de 28 anos, morta com um golpe de faca no dia 24 de janeiro de 2015 na casa onde moravam na Rua Corina da Silva Prado, no Bairro Arlindo Ricieri Lazarini, em Água Clara, a 193 quilômetros de Campo Grande.Marido que matou mulher na frente dos filhos é condenado a 15 anos de prisão

A decisão do Tribunal do Júria foi dada pela juíza Thielly Dias de Alencar Pithan e Silva da comarca da cidade. Francielle foi morta na frente dos filhos.

Segundo a denúncia, após uma discussão por ciúmes, Cleiton deu uma facada no lado esquerdo do peito da mulher.  Ele então foi até a cozinha, pegou a faca e, mediante recurso que dificultou a defesa da vítima, apunhalou-a no peito, na frente dos filhos.

Durante a leitura da sentença, a juíza expressou sua consternação sobre o caso e apontou que, apesar da tragédia, é momento para se pensar a respeito dos padrões que vem sendo formados em uma sociedade extremamente machista, bem como na luta para romper com a .

“O caso é trágico e simbólico porque a vítima teve uma faca cravada no lado esquerdo do peito. Se, como diz o dito popular, é possível tirar algo de bom desta tragédia, é a necessidade de reflexão acerca da sociedade que construímos – extremamente machista e com altíssimos índices de violência doméstica”.

Veja também

Homem foi preso suspeito de estuprar a enteada e mais outras duas crianças em cidade...

Últimas notícias