Suspeito diz ser policial, invade residência e mata aniversariante a tiros

Duas pessoas ficaram feridas
| 26/04/2017
- 13:45
Suspeito diz ser policial, invade residência e mata aniversariante a tiros

Duas pessoas ficaram feridas

Laudenilson Trindade Dias, 18 anos, foi executado logo depois de sua festa de aniversário em Antônio João, a 402 quilômetros de Campo Grande.

Caso aconteceu na madrugada desta segunda-feira (26) e outras duas pessoas ficaram feridas. 

Todos dormiam, conforme boletim de ocorrência, quando um homem invadiu a residência no Bairro Vila Nova anunciando ser policial e disparando contra três pessoas. 

O suspeito teria forçado a porta dos fundos do imóvel, trancada com um cabo de vassoura. Ele usou uma lanterna para identificar e atirar contra as vítimas, com idades entre 18 e 25 anos.

Cápsulas de revólver calibre 38 foram recolhidas pela perícia. Havia uma criança que, não estando ferida, foi entregue aos cuidados do avô.  Outras duas pessoas estão internadas.

Policiais tentaram ouvir uma das vítimas no hospital, porém a mesma estaria gravemente ferida. Caso foi registrado como simples na delegacia de polícia local.

Veja também

Magistrado alegou suspeição em processo de advogado após ser arrolado como testemunha

Últimas notícias