Polícia

Para defender cachorro, homem dá tiro no chão e acaba na delegacia

Homem 'cansou' de ver seu cão apanhar de outro maior 

Midiamax Publicado em 10/06/2017, às 17h41

None

Homem ‘cansou’ de ver seu cão apanhar de outro maior 

Brigas entre cachorros de moradores no Bairro Carandá Bosque terminou com disparo de arma de fogo neste sábado (10). Cansado de ver o seu cão apanhar de outro maior que ficava solto pela rua, um dos vizinhos foi tirar satisfação armado e acabou na delegacia.

A Polícia Militar foi acionada via 190 para atender uma ocorrência de disparo de arma de fogo em um lava jato da região. Os funcionários informaram que o vizinho teria ido até o local para tirar satisfação com o proprietário depois de uma briga entre cães. Porém, o vizinho disparou um tiro após ser atacado pelo cachorro e retornou para casa.

Os militares foram até a casa do suspeito e foram recebidos pelo morador, que deixou os policiais entrarem na casa e inclusive apresentou a arma utilizada, bem como um registro, que estava vencido.

Diante dos fatos, o morador foi levado a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro, e relatou que foi ao lava jato conversar em posse da arma para poder se defender  do cachorro. 

O morador afirmou que não tinha a intenção de machucar o animal, por isso atirou no chão. Disse ainda que não é a primeira vez que os cachorros brigam, e que anteriormente seu cachorro ficou ferido. O proprietário do lava jato deve responder por omissão de cautela e o outro morador por disparo de arma de fogo e porte irregular de arma de fogo.

Jornal Midiamax