Polícia

Após explosão e assalto a banco, PM e Civil receberão 4 novas viaturas

Crime ocorreu em Paranaíba e vereadores pediram apoio na Capital

Midiamax Publicado em 11/05/2017, às 17h46

None

Crime ocorreu em Paranaíba e vereadores pediram apoio na Capital

A explosão de caixas eletrônicos e assalto em uma agência da CEF (Caixa Econômica Federal) motivou o pedido de apoio por mais segurança, em Paranaíba, a 398 quilômetros de Campo Grande, na região leste de Mato Grosso do Sul. Vereadores do município vieram à Capital.

Os políticos se reuniram com o Secretário Adjunto de Justiça e Segurança Pública Antônio Carlos Videira e o deputado Estadual Coronel Davi (PSC). No encontro os vereadores puderam expor a preocupação do executivo municipal em relação a insegurança dos moradores e a possibilidade de investimentos após o assalto.

“Como representantes da população, temos o dever de buscar esse apoio na implantação de uma base da polícia estadual, aumento do efetivo, mais estrutura com viaturas e equipamentos para combater a criminalidade”, disse o vereador Andrew Robalinho.

Mais viaturas e segurança à população

Após explosão e assalto a banco, PM e Civil receberão 4 novas viaturas

Durante a reunião, o secretário reiterou que em 2016, o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul lançou o programa de investimentos “MS Mais Seguro”, que prevê R$ 96,4 milhões na reforma de prédios e compra de viaturas, equipamentos e armamentos até 2018 e isso envolve a modernização de delegacias, pelotões, presídios e Unidades Educacionais de Internação (UNEI’s) de Mato Grosso do Sul.

Videira pontuou que, além dos investimentos, está dentro do planejamento melhorias para a Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Departamento de Operações de Fronteira (DOF), Coordenadoria-Geral de Perícias (CGP), Superintendência de Assistência Socioeducativa (SAS) e Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen).

Jornal Midiamax