Polícia

Rapaz que havia ameaçado policial morre em troca de tiros após tentativa de furto

O comparsa também morreu

Renata Portela Publicado em 05/04/2016, às 15h10

None
2.jpg

O comparsa também morreu

Na manhã desta terça-feira (5), Tiago da Silva, de 21 anos, e um rapaz identificado pelo apelido Nextel, morreram em Três Lagoas, cidade a 338 quilômetros da Capital, após troca de tiros com policiais militares. Eles haviam tentado furtar uma residência e foram flagrados pela vítima.

Moradora do Bairro Santos Dumont, de 36 anos, saiu de casa durante a manhã e, após alguns minutos, retornou à residência ao perceber que havia esquecido os documentos. Ao voltar, ela encontrou os dois rapazes dentro da casa e começou a gritar, pedindo ajuda dos vizinhos, momento em que a dupla fugiu pulando o muro.

Conforme apurado pelo site Rádio Caçula, os suspeitos ainda abandonaram a bicicleta na qual haviam chegado até a casa. Polícia Militar foi acionada e equipe coletou dados e preservou o local do crime até a chegada da Polícia Civil, que constatou que os bandidos haviam forçado a janela da casa para entrarem.

Equipes do Getam (Grupamento Tático Especializado Motociclístico) e Rotai (Rondas Ostensivas e Táticas do Interior) iniciaram rondas e, no bairro vizinho, encontraram os jovens tentando entrar em outra residência. Ao verem os militares, os suspeitos teriam feito disparos de arma de fogo, dando início à troca de tiros. Os dois rapazes foram feridos e levados pelos militares ao Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, mas não resistiram aos ferimentos.

Há informação de que, há alguns dias, Nextel havia ameaçado um policial de morte. Ele e o comparsa tinham extensa ficha criminal.

Jornal Midiamax