Suspeito foi visto arrombando o local

Um homem, de 25 anos, é suspeito de ter incendiado a casa da ex-sogra na manhã deste domingo (22), na Rua Sizuo Nakazato próximo da Tarô Nakazato, no Jardim Itamaracá em . Testemunhas afirmam terem visto ele e outros dois comparsas arrombando o local pouco antes das chamas serem percebidas.

A residência fica em uma vila de casas de aluguel. O proprietário do local, José Alves de Lima, de 75 anos, afirma ter visto os suspeitos. “Estava na casa da minha sogra que mora aqui na vila e vi três homens tentando abrir a porta, mas achei que eram parentes e fui pra minha casa. Quando voltei para cá vi o fogo e acionei o Corpo de Bombeiros”, relata. 

Ana Cristina Oliveira Costa, de 40 anos, alugou a casa há duas semanas, depois que a filha Paula Jaqueline, de 18 anos, terminou o relacionamento com o suspeito. “Mudamos pra cá com medo das ameaças dele. Agora não temos mais nada. Tudo que tínhamos queimou. Só estamos com as roupas do corpo”, lamenta.

Com medo de que as chamas se alastrassem, os vizinhos tiraram os móveis de dentro das casas. O Corpo de Bombeiros foi acionado e o incêndio foi controlado. O suspeito fugiu e não foi localizado. Um dos comparsas foi visto próximo da Vila, a Polícia Militar foi acionada e ele foi detido.