Autor disse que daria um tiro no rosto da vítima

Um simples acidente de trânsito acabou virando caso de polícia depois que um dos envolvidos no acidente passou a ameaçar de morte o outro homem, de 32 anos.  O acidente aconteceu no Conjunto Residencial Estrela do Sul, em Campo Grande, na tarde desta segunda-feira (2).

De acordo com o boletim de ocorrência registrado, a mulher do autor das ameaças dirigia um Honda City quando parou bruscamente para fazer uma conversão à direita momento que não conseguiu evitar a batida.

A vítima disse aos policiais que logo após a colisão teria entrado em acordo com a motorista do carro acionando o juizado de trânsito. Em seguida o marido da mulher teria chegado ao local e alterado teria dito sua esposa não teria CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e que o homem arcaria com todo o prejuízo.

Diante da negativa da vítima, alterado o autor passou a ameaçar o homem afirmando que daria um tiro em sua cara e que era amigo de policiais e que encontraria sua casa. Ainda de acordo com a vítima, o autor afirmou que o homem pagaria de qualquer jeito pelo acidente.

Segundo a vítima, o autor estaria na companhia de um suposto policial civil e que antes de deixar o local desferiu um chute em sua perna. O caso foi registrado como ameaça.