Polícia

Traficante que usava loja de móveis usados como fachada é preso na Capital

O dinheiro ganhado na loja era usado para comprar a droga

Renata Portela Publicado em 15/07/2015, às 13h17

None
interna_presos_2.jpg

O dinheiro ganhado na loja era usado para comprar a droga

Na tarde de terça-feira (14), Admilson Aparecido de Oliveira Barros, de 26 anos, e Calebe Alves da Silva, de 32 anos, foram presos em flagrante por tráfico de drogas. A prisão foi feita após investigação da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico).

Segundo o delegado João Paulo Sartori, titular da Denar, a polícia já investigava Admilson havia algum tempo. Na tarde de terça-feira, ele foi flagrado entregando 1 quilo de pasta base de cocaína para uma adolescente de 16 anos, na região do Parque Novos Estados.

Os policiais deram voz de prisão a Admilson, que estava no Gol, prata, placas NRJ-6667, de Campo Grande (MS), e o carro foi apreendido. Em buscas na casa dele, no Jardim Leblon, foi encontrado pouco mais de meio quilo de pasta base.

Dando continuidade nas investigações e em conversas com Admilson, os policiais conseguiram chegar até Calebe. Segundo o delegado, na casa de Calebe foram encontrados 3 quilos de pasta base. Ainda foi constatado que o homem é dono de uma loja de móveis usados, localizada na Avenida das Bandeiras.

Calebe confessou o tráfico e afirmou que a loja era apenas fachada. Segundo a polícia, o traficante usava o dinheiro que ganhava na venda dos móveis para comprar a droga. Com ele, ainda foram encontrados R$ 4 mil em espécie, que foram apreendidos, além da motocicleta Honda CG 150, preta, placa HSO-7098 de Campo Grande (MS).

A dupla foi presa e responderá por tráfico. Calebe já tem passagens por dois homicídios e porte de arma. A adolescente que foi flagrada comprando a droga foi encaminhada para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga e liberada, já que era o primeiro ato infracional da jovem.

Jornal Midiamax