Polícia

Responsáveis por casa de shows são esperados para prestar esclarecimentos

Por enquanto apenas três pessoas procuraram a polícia para registrar a ocorrência

Arlindo Florentino Publicado em 31/03/2015, às 14h12

None
img-20150331-wa0063.jpg

Por enquanto apenas três pessoas procuraram a polícia para registrar a ocorrência

O delegado Fabiano Nagata, titular da 3ª Delegacia de Polícia de Campo Grande, aguarda para a tarde desta terça-feira (31) a presença dos responsáveis pela casa de shows Wood’s para ter maiores detalhes dos acontecimentos da madrugada da última sexta-feira (27), quando houve uma confusão generalizada com agressões e danos no estabelecimento.

Segundo o delegado deverão ser apresentadas imagens do circuito de segurança da casa e então poderá se ter uma noção exata dos acontecimentos.

Quanto aos procedimentos policiais, o delegado esclarece que as providências serão tomadas assim que as possíveis vítimas registrarem a ocorrência. “Estamos aguardando, pois pela dimensão dos fatos deveremos abrir um inquérito único. Mas desde já adianto que o caso será tratado como lesão corporal leve”, afirmou o titular da terceira delegacia.

De acordo com o Código Penal, se forem identificados os autores, eles deverão assinar o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) pois a pena, nestes casos é inferior a dois anos de reclusão.

Até o momento, apenas três pessoas procuraram a delegacia. Dois casos foram pelas lesões leves e o terceiro por possível furto de uma bolsa.

Os dois primeiros casos deverão ser incluídos no inquérito único e o caso de furto ainda será apurado. “Foi uma confusão generalizada e a bolsa pode ter sido extraviada no momento. De qualquer forma vamos apurar”, concluiu o delegado.

Jornal Midiamax