Polícia

Morto a tiros na frente de casa teria assassinado adolescente no ano passado

Anderson era suspeito de matar o adolescente Marcos Vinícius da Silva Barbosa

Midiamax Publicado em 26/10/2015, às 12h38

None
img-20150108-wa0013.jpg

Anderson era suspeito de matar o adolescente Marcos Vinícius da Silva Barbosa

Anderson Filiu Silva, de 21 anos, que morreu depois de ser atingido por tiros na frente de casa no Jardim Canguru, teria matado o adolescente Marcos Vinícius da Silva Barbosa, o ‘Tito’ de 17 anos, no dia 2 de janeiro de 2014, no Jardim Novo Século.

Marcelo Neves, 34 anos, e Antônio Marcos Ferreira Chaves, também são suspeitos de terem participado do crime. NA época, Antônio Marcos viajou e quando retornou a sua casa havia sido furtada e acusou o adolescente por ser conhecido como receptador de produtos furtados.

Antônio Marcos e os outros dois foram até a residência do rapaz para recuperar os itens furtados. Porém durante a conversa, o clima esquentou. Marcos Vinícius foi colocado dentro do Volkswagen Crossfox, prata, placas HSG-5949, de Campo Grande (MS). O trio teria seguido com a vítima até o Bairro Novo Século, onde ele foi alvejado por dois tiros e mandou que ele corresse.

O adolescente ainda pediu socorro em uma casa, mas não resistiu. O suspeito chegou a ressaltar que efetuou apenas um disparo, que o outro tiro foi dado por um dos dois colegas que o acompanhava. As duas armas usadas foram encaminhadas para a Perícia para saber quais delas foram usadas para matar a vítima.

Jornal Midiamax