Polícia

Polícia investiga se roubos de caminhonetes foram feitos pelos mesmos ladrões

O roubo de duas caminhonetes na noite de quinta-feira (6), podem ter sido cometidos pelos mesmos ladrões. Pelo menos é este o caminho inicial das investigações que a polícia está desenvolvendo. As características dos envolvidos nos dois casos não foram repassadas com exatidão pelas vítimas, mas a forma de agir, a proximidade do horário e […]

Arquivo Publicado em 07/03/2014, às 14h22

None

O roubo de duas caminhonetes na noite de quinta-feira (6), podem ter sido cometidos pelos mesmos ladrões. Pelo menos é este o caminho inicial das investigações que a polícia está desenvolvendo.

As características dos envolvidos nos dois casos não foram repassadas com exatidão pelas vítimas, mas a forma de agir, a proximidade do horário e a conversa travada pelo telefone durante um dos assaltos leva a polícia a acreditar nesta possibilidade.

O primeiro caso, envolvendo um comerciante de 57 anos, aconteceu por volta das 19 horas na Avenida Manoel da Costa Lima. Ele, que estava em uma Hilux, foi abordado por dois homens, um deles armado que mandaram que ele fosse para o banco de trás.

Depois de percorrem algumas ruas e bater por duas vezes com a Hilux do comerciante a dupla fugiu abandonando carro e vítima nas proximidades do Shopping Norte Sul.

No segundo caso, que teve como vítima um cirurgião-dentista de 37 anos, a dupla o abordou enquanto ele falava no celular na Avenida Salgado Filho,esquina com a Via Morena,por volta das 20h30min.

O dentista foi rendido, colocado no banco de trás da S-10 2013, levado para a saída de São Paulo onde foi mantido refém.A vítima aproveitou um descuido do “carcereiro”e fugiu correndo. O bandido ainda disparou dois tiros contra ele, que não o foi atingido.

“Foi durante este segundo caso que o bandido ligou para um outro e disse que havia conseguido pegar o carro.Isto dá indícios de que é um crime por encomenda e como não conseguiram levar a Hilux partiram para a segunda tentativa levando a S-10. Como eles abandonaram o carro perto do Shopping e o segundo caso aconteceu pouco tempo depois na Salgado Filho com a Via Morena, podem ser os mesmos nos dois casos”, afirmou um policial envolvido nas investigações.

Jornal Midiamax