Polícia

Cuidador de carros é preso acusado de incendiar dois veículos em Campo Grande

Investigadores da 5ª Delegacia de Polícia de Campo Grande, após investigações, conseguiram identificar e prender o autor dos incêndios em automóveis ocorridos na Vila Nhá-Nhá e Piratininga, na manhã do último dia 19 de janeiro. Samuel de Oliveira Carvalho (18) foi identificado como o responsável pelos incêndios que causaram a perda total de dois veículos, […]

Arquivo Publicado em 24/01/2014, às 12h14

None

Investigadores da 5ª Delegacia de Polícia de Campo Grande, após investigações, conseguiram identificar e prender o autor dos incêndios em automóveis ocorridos na Vila Nhá-Nhá e Piratininga, na manhã do último dia 19 de janeiro.

Samuel de Oliveira Carvalho (18) foi identificado como o responsável pelos incêndios que causaram a perda total de dois veículos, um Corsa Sedan, de propriedade de Daiane de Sousa e um Fiat Palio, de Cristiane Ferreira.

Ao ser entrevistado pelos policiais, Samuel disse que não tinha motivo algum para cometer o crime, só o fazendo por estar sob efeito de drogas e afirmou que é usuário de pasta-base de cocaína. Ainda disse que para incendiar os carros usou um pedaço de vidro para cortar a mangueira de combustível e aguardava o produto vazar para atear fogo.

Segundo o delegado titular da 5ª DP, Jairo Carlos Mendes, o curioso é que Samuel “cuidava” carros na feira do Bairro Piratininga e com o dinheiro que ganhava adquiria drogas.

O delegado ainda ressalta que foi descartada qualquer possibilidade da participação do crime organizado no fato, como se sugeriu inicialmente. Samuel, que tem uma extensa ficha policial, foi indiciado pelos crimes de incêndio e dano.

Jornal Midiamax