Polícia

Policial Federal que tentou invadir casa em Campo Grande estaria em missão no MS

Com uma pistola, o policial federal, que estava visivelmente embriagado, segundo testemunhas, rendeu o dono da casa na qual tentava entrar forçando o portão.

Arquivo Publicado em 19/03/2011, às 16h55

None
1389625184.jpg

Com uma pistola, o policial federal, que estava visivelmente embriagado, segundo testemunhas, rendeu o dono da casa na qual tentava entrar forçando o portão.

O agente da Polícia Federal que tentou invador uma residência na região central de Campo Grande na madrugada deste sábado (19), Fermar Lobão Dias Filho, é lotado em Vilhena (RO) e estaria na capital de Mato Grosso do Sul participando de uma missão. A Superintendência Regional não se pronunciou oficialmente sobre o episódio.


Com uma pistola, o policial federal, que estava visivelmente embriagado, segundo testemunhas, rendeu o dono da casa na qual tentava entrar forçando o portão. Estavam na residência a esposa e três filhos do proprietário. O alarme residencial disparou quando o agente, entrou com a arma em punho. Na tentativa de proteger a família, o dono da casa os trancou em um cômodo e permaneceu sozinho na casa.


A segurança volante chegou ao local e aguardou a chegada da polícia, mas o vigilante acabou sendo rendido, revistado e ‘preso’ pelo agente federal.


P.C.A. percebeu que o agente estava confuso e tonto, aparentando sinais de embriaguez. Quando a polícia chegou, o agente apresentou o distintivo e foi encaminhado à Delegacia de Pronto-Atendimento Comunitário (Depac) para prestar esclarecimentos.


O delegado de plantão, Divino Mendonça Furtado, não confirmou a identidade do agente e disse que o caso será encaminhado à Superintendência de Polícia Federal. A versão do policial federal é de que teria se confundido de casa, pois moraria próximo ao local. Ele foi autuado por abuso de autoridade. (Com informações de Hélder Rafael e Alessandra de Souza)

Jornal Midiamax