Uma confusão envolvendo um soldado da Polícia Militar e demais pessoas na boate Sobrados, na rua Brilhante em Campo Grande, por volta de 1h30 desta quarta-feira (23), deixou um morto de outros dois feridos.

O soldado Abrão Pedro de Amaral Filho, 26, autor dos tiros que responde por homicídio doloso e tentativa de homicídio doloso foi levado ao presídio militar. Ele disse na delegacia que passava pelo local e por conta da confusão resolveu agir a paisana. Será investigado se o PM trabalhava como segurança na boate, de acordo com a delegada Fernanda Mendes que encaminhará o caso ao 6° DP.

Confusão e tiroteio

O auxiliar de jardinagem Anderson de Souza e Silva, 30, (vítima fatal), Washington Pereira da Silva, 35 e Adinir Alves dos Santos, 49, chegaram à boate por volta de 1h. Funcionários do local, contaram que os três já chegaram aparentemente embriagados. Na boate estavam cerca de oito a dez clientes.

Todos pagaram a entrada e cada um consumiu duas cervejas que está inclusa no valor para entrar. Dentro do estabelecimento, posteriormente os três pediram cada, uma bebida no valor de R$ 10. Com isso o funcionário do bar pediu pagamento adiantado. Valor esse pago, quando Washington teria rasgado a comanda, instante em que se iniciou um princípio de bate-boca.

Trinta minutos depois quando os três saíam, o porteiro pediu a comanda. Neste momento, de acordo com depoimento do soldado que passava pelo local, avistou a confusão.

Abrão, com uma pistola .40 do Estado, teria então se identificado como policial. Com isso Anderson foi a Kombi (HQH-1387) na qual chegaram ao local, pegou um facão e atingiu o PM na cabeça e costas.

Com um bastão Washington teria tentado acertar o policial, porém não conseguiu. O soldado então desferiu oito tiros que atingiu Anderson no abdômen, Washington no fêmur e Adinir no braço direito.

Anderson foi socorrido, levado a Santa Casa, porém não resistiu e morreu. Adinir já foi liberado e Washington continua internado. A arma foi apreendida com oito munições intactas. Nenhuma cápsula deflagrada foi recolhida no local.