Polícia

Advogado é preso em Campo Grande acusado de fraudes em inquéritos policiais

Conforme nota divulgada pela Polícia Civil, o advogado era investigado há pelo menos uma semana. Ele foi preso após mandado de prisão expedido pela Vara de Execução Penal

Arquivo Publicado em 09/11/2011, às 22h22

None

Conforme nota divulgada pela Polícia Civil, o advogado era investigado há pelo menos uma semana. Ele foi preso após mandado de prisão expedido pela Vara de Execução Penal

O advogado Marcelo Monteiro Padial, de 42 anos, foi preso nesta quarta-feira (09) por policiais da Dedfaz (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Defraudações, Falsificações, Falimentares e Fazendários), acusado de fraudes e falsificações em pelo menos cinco inquéritos policiais da delegacia, além de outros procedimentos investigatórios em outras Unidades Policiais.


Conforme nota divulgada pela Polícia Civil, o advogado era investigado há pelo menos uma semana. Ele foi preso após mandado de prisão expedido pela Vara de Execução Penal.


As investigações apontam que o advogado ajuizava ações junto a Justiça visando a revisão de valores de contratos de financiamentos, principalmente de veículos, sendo que as procurações que lhe outorgavam poderes para representar os clientes tinham as assinaturas falsificadas, gerando, assim, prejuízo em desfavor dos titulares do contrato.

Jornal Midiamax