Mundo

Pesquisadores descobrem dinossauro gigante na Argentina

O dinossauro encontrado é o mais antigo gigante do mundo

Tábata Rauschkolb Publicado em 10/07/2018, às 12h10

None

Uma equipe de pesquisadores argentinos descobriu o dinossauro gigante mais antigo que habitou o planeta, há mais de 200 milhões de anos, em um sítio paleontológico próximo à província de San Juan, na Argentina.

Pesquisadores descobrem dinossauro gigante na Argentina
Dr. Cecilia Apaldetti com uma ilustração de Ingentia Prima feita por Jorge A. González. Imagem: Reprodução/CTyS-UNLaM

A ossada encontrada, batizada de Ingentia Prima, tem três vezes o tamanho dos maiores dinossauros do período Triássico. Estima-se que Ingentia media entre 6 e 7 metros e pesava mais de 10 toneladas.

A descoberta foi publicada na revista Nature Ecology & Evolution e divulgada pela Agência de Divulgação Científica (CTyS) da Universidade Nacional de La Matanza.

Segundo informações do portal Clarín, o estudo foi conduzido pela paleontologista Cecilia Apaldetti, que conduziu o estudo em colaboração  com os pesquisadores Ricardo Martínez, Inácio Cerda, Diego Pol e Óscar Alcober. A pesquisadora afirmou estar surpresa pelo interesse da população com os dinossauros

Pesquisadores descobrem dinossauro gigante na Argentina
Coloridas, as partes já descobertas que permitiram descrever esta nova espécie. Reprodução/CTyS-UNLaM

“Quando o encontramos, percebemos que era um pouco diferente. Encontramos uma forma, a primeira gigante, entre todos os dinossauros. Essa é a novidade”, afirmou Apaldetti ao Clarín.

Segundo os pesquisadores são animais herbívoros, quadrúpedes e facilmente identificáveis por possuírem o pescoço e rabo muito compridos, e possivelmente viveram há 205 milhões de anos.

Jornal Midiamax