Mundo

Paraguai: modelo é impedida de ver Papa por estar sem sutiã

A moça também foi vaiada e xingada por católicos que estavam presentes

Gerciane Alves Publicado em 16/07/2015, às 17h16

None
modelo.jpg

A moça também foi vaiada e xingada por católicos que estavam presentes

Uma modelo da Playboy causou indignação nos católicos que estavam em Assunção, no Paraguai, no mês passado para ver o Papa Francisco, que estava em visitando países da América do Sul. Victoria Xipolitakis tentou cumprimentar o Papa, mas acabou xingada por não usar sutiã.

Enquanto ouvia vaias e gritos da multidão, a moça, que vestia um macacão e um top branco que deixava os mamilos à mostra, foi afastada pelos seguranças.

Segundo o Mirror, a modelo já havia tentado ganhar uma audiência privada com o Papa para que ele a absolvesse de todos os pecados e viajou para Assunção para encontrá-lo.

Esta não é a primeira polêmica que Victoria se envolve. Há um mês ela virou manchete ao causar a demissão de dois pilotos argentinos quando tirou selfies no cockpit do avião e os convenceu a pilotar a aeronave.

Na época, ela se desculpou pelo ocorrido em um programa de TV, alegando que estava arrependida e não deveria ter posto vidas em perigo.

Jornal Midiamax